O meu vício no Instagram começou no momento em que fiz o sign in. Desde aí diariamente me inspiro naquilo que várias pessoas de inúmeros países andam a fazer. Arranjos de flores, frases inspiradoras, peças de cerâmica ou pratos com um aspecto de morrer, tudo vai aparecendo, à medida que percorro o meu feed.

Um dia destes deparei-me com uma fotografia da Ana, uma brasileira a viver nos States que tem um jeitão para tudo o que envolva uma colher e um fogão, e caiu-me tudo. Lembro-me de pensar qualquer coisa do género “Tenho que fazer isto já a correr!” e lá fui eu doida, histérica, enlouquecida comprar os poucos ingredientes que leva esta receita.

 

O molho Alfredo leva manteiga e parmesão, na sua versão mais original, mas hoje em dia são muitas as receitas em que lhe juntam natas ou leite e outros queijos. Esta receita não leva NADA disso! É verdade! É completamente amiga das dietas típicas deste pré-verão uma vez que não tem óleos, farinha, leguminosas, açúcar claro. Os protagonistas são os legumes, mas acho que até quem não é muito amiga dos verdes vai ficar a adorar!

 

Cá em casa toda a gente adorou, principalmente o meu avô, a quem nunca agrada grande coisa, que quis repetir!

Faço várias versões, com vários molhos e temperos diferentes, sendo que esta versão mais simples já é de comer e chorar por mais. Espreite!

DSC_0757

Spaguetti de courgette com molho de couve-flôr

2 pessoas

 

ž  2 courgettes

ž  2 chávenas de couve-flôr em fleurettes

ž  1 cebola em cubos grandes

ž  3 dentes de alho com casca (menos se não gostar)

ž  1 limão

ž  2 c. sopa de salsa fresca

ž  sal e pimenta a gosto

Nota: Costumo fazer esta receita com a courgette crua, mas pode escaldá-la já cortada em água a ferver cerca de 1 minuto)

 

Disponha a couve-flôr, a cebola e os dentes de alho inteiros num prato de assar. Leve ao forno (160º/180ºc) até os legumes estarem cozinhados. Se quiser, regue com um fio de azeite, óleo de côco ou outra gordura.

Enquanto os legumes assam, corte a courgette, com casca, em tiras muito finas (juliana). Para isto pode usar a faca (fatias finas e palitos de cada fatia), uma mandolina com o acessório próprio, o spiralizer ou um descascador dentado, que é mais barato e o que costumo usar.

Ponha os legumes assados num robot de cozinha, triture até obter um creme espesso e junte sumo de limão. Tempere com o sal e a pimenta a gosto.

Misture este molho cremoso de couve-flôr com o spaguetti de courgette e polvilhe com salsa picada.

DSC_0739