Durante uns dias rumámos a sul. Praias lindas e com pouca gente, como gosto, peixe fresco, saladas apetitosas, vistas de cortar a respiração, dias em família e, claro, sol sol sol! Ao mesmo tempo, perdi-me no Batista e fiz algumas experiências na cozinha.

DSC_0122

Esta sopa foi uma delas e é óptima para aproveitar espinhas e cabeças de peixe. Cá em casa estas coisas não vão para o lixo: estão cheias de sabor e juntando uma cebola, alho e ervas aromáticas  faz-se em três tempos um caldo rápido. Depois é só congelar numa couvette e guardar os cubinhos em sacos de congelação. Já imaginou o que podem fazer por um risotto? Ou o tempo que poupa para uma sopa de noodles?

Depois de um dia no Burgau, comprámos uma dourada fresquinha, só para a minha mãe e para mim. Depois de retirar os filetes para o jantar, isto foi o que fiz com o resto:

 

Sopa de peixe e leite de côco

2 pessoas

DSC_0117

1 dourada pequena (+-400 gr)

1 c. sopa de azeite

0,5 lt de água

4 rodelas finas de gengibre

4 ou 5 raminhos de coentros

1 cebola pequena

1 tomate médio, maduro

100 ml leite de côco

sal e pimenta preta do moinho, a gosto

 

Nota: Esta sopa pode ser feita com o peixe que preferir.

 

Num tacho, doure as espinhas e a cabeça da dourada em azeite e junte a água. Deixe ferver cerca de 10min e passe por um passador. Reserve o peixe.

Leve este caldo ao lume e, quando voltar a ferver,  junte a cebola em cubinhos, o gengibre e os coentros. Daí a 5min, adicione o tomate, também em cubos, e o leite de côco.

Deixe apurar destapado (10min ou até a cebola e o tomate estarem cozinhados) e tempere com sal e pimenta. Entretanto, separe as espinhas da carne e junte à sopa as lascas de dourada que conseguir aproveitar.

DSC_0093

Retire as rodelas de gengibre e os raminhos verdes. Sirva salpicado com coentros frescos e está pronto a provar!

Uma sopa aromática e cheeeia de sabor, espero que goste :)