Adora chocolate preto mas acha que se o comer se vai afastar de um estilo de vida saudável? Errado! Comer chocolate negro com moderação é uma prática saudável e dizem até ter múltiplos benefícios como melhorar o humor, promover a saúde do coração, ser rico em antioxidantes, retardar o aparecimento de Alzheimer... Top! Não?!

O problema é que nem todos os chocolates são iguais… Uma tablete carregada de leite em pó, lecitina de soja, açúcar de palma, edulcorantes, aromatizantes, E’s, etc etc etc não faz bem a ninguém… Convém sabermos o que estamos a ingerir! A leitura dos ingredientes é fundamental (Não só com os chocolates, mas com tudo. Não conta só a tabela nutricional!)

Um chocolate de compra deve conter Pasta de Cacau, Manteiga de Cacau, Açúcar, Aroma Natural de Baunilha e Lecitina de Soja. Nada mais!

Chocolate caseiro

Melhor do que saber o que leva o que compramos é, na minha opinião, sermos nós a fazer e juntar os ingredientes! Sendo assim, aqui vai a minha receita, muito simples, de chocolate preto, saudável e bem amarguinho!

 

Chocolate Caseiro

 

ž  5 c. sopa de cacau em pó

ž  3 c. sopa de óleo de côco

ž  2 c. sopa de geleia de arroz

ž  1 punhado de framboesas desidratadas

ž  1 punhado de bagas de espinheiro amarelo desidratadas (sea buckthorn)

 

Nota: Pode substituir o adoçante por outro que costume usar. A fruta desidratada é uma opção. Pode prescindir dela ou substituir por frutos secos.

DSC_0030

Derreta o óleo de côco e o geleia de arroz.

Junte o cacau em pó e misture bem até ter uma pasta homogénea.

Verta a pasta num tabuleiro forrado a papel vegetal, salpique a fruta desidratada e leve ao congelador para solidificar por 10 – 15 min.

Quando estiver firme, parta o chocolate em bocados e conserve num saco ou numa caixinha no frigorífico.