Perguntam-me várias vezes se bebo café. Quase nada. E se gosto. Adoro.

Não bebo quase nunca por 4 grandes razões: o facto de o café ser uma bebida bastante ácida, acidifica o pH e desregula o organismo; por ter muita cafeína que causa habituação; por, salvo raras excepções, ser cultivado sem condições de produção e comércio justas; e por levar grandes quantidades de químicos quando não é usado um modo de produção Bio e sustentável. No entanto, nem tudo é mau, vários estudos* mostraram que: o café pode ajudar a reduzir o risco de certos tipos de cancro e inflamações; pode ajudar a queimar até mais 15% de calorias se tomado como pré-treino; pode dar um kick de energia se tomado antes de fazer exercício físico ou cognitivo. (*)

Durante vários anos bebia café todos os dias, quase sempre com um cigarro. Mais de dois anos depois, felizmente, deixei os dois hábitos. Quanto ao café, adoro o sabor e o conforto que uma chávena quente pode trazer! Por isso, quando estou mesmo com desejos, bebo! (ainda que não chegue a beber um café por semana, sabe-me bem quando o faço embora muitas vezes acabe por me sentir demasiado agitada e a tremer, questionando-me depois se deveria ter bebido!)

 

café extraído a frio | cold-brewed coffee

 

Bom, tudo isto para te falar da receita de hoje. A receita de hoje é a minha versão caseira da mega moda do Cold-brewed Coffee, ou seja, do Café Extraído a Frio. Acho que ainda não chegou em força cá a Portugal, talvez nunca vá chegar, mas o burburinho à volta desta maneira de fazer o café tem vindo a crescer em vários países. Quando li que era (ligeiramente, atenção!) mas saudável que o café feito a quente, quis logo experimentar e... A-do-rei! Porque é que digo que é melhor? Quando fazemos café "normal", a quente, há ácidos gordos e óleos presentes nos grãos de café (solúveis apenas em altas temperaturas) que são extraídos e formam aquela espuminha beige no nosso café. Ao fazer o café a frio, estes ácidos e óleos não são extraídos, obtendo um café com menor acidez e também com níveis mais baixos de cafeína (pela mesma razão).

Este café dura até duas semanas no frigorífico, pode ser misturado com leites vegetais, água, gelo, como mais gostares! É, usualmente, consumido frio, mas podes aquecê-lo ligeiramente, sem ferver, para preservar ao máximo as suas propriedades.

 

Café Extraído a Frio

900 ml

 

1 litro de água fresca

50 gr café biológico, comércio justo, moagem média

 

Num frasco grande de vidro mistura os dois ingredientes. Tapa o frasco e deixa-o na bancada durante 12 horas.

Passado esse tempo, coa a mistura com a ajuda de um pano de algodão fino ou um "nut milk bag" e guarda o teu café extraído a frio (c.e.f.) numa garrafa de vidro :) Simples!

 

cold brcafé extraído a frio | cold-brewed coffeeew-2

cold café extraído a frio | cold-brewed coffeebrew-3

 

Sugestões para servir:

150 ml c.e.f. + cubos de gelo

100 ml c.e.f. + 200 ml leite de avelãs e arroz (ou outro)

75 ml c.e.f. + 125 ml leite de amêndoas + 1 fio de mel + 1,5 colheres de sopa de sementes de chia

 

 

As possibilidades são várias! E por aí, que uso vais dar ao teu Café Extraído a Frio?

 

cold brcafé extraído a frio | cold-brewed coffeeew-4

 

Para updates diários,

faz Like no Lemonaid aqui,

subscreve o canal de youtube,

 segue-me no Instagram @joanamlimao,

ou junta-te a mim no snapchat @ lemonaid.pt !

Se quiseres entrar em contacto comigo, por razões pessoais ou profissionais, envia-me um e-mail para lemonaidpt@gmail.com